logo teste

Viagens Marrocos

mil e uma experiências

programa de viagem à medida - guias em português

viagensmarrocos@trilhosalama.com
TEF.COMERCIAL-0351 932555593
TEF.MARROCOS–00212 662810005
tripadvisor

Chefchaouen

  • guia locais chef 1
  • guia locais chef 2
  • guia locais chef 3
  • guia locais chef 4
  • guia locais chef 5
  • guia locais chef 6
  • guia locais chef 7
     
  •  
    guia locais chef 8
  • guia locais chef 9
     

Características

Chefchaoen ou Chaouen (chamado pelos marroquinos) está localizada no noroeste de Marrocos. Tem cerca de 40.000 habitantes. É conhecida por “cidade azul” pela cor dos seus edifícios. Situa-se no interior de Tânger e Tetouan. O nome refere-se à forma do topo das montanhas acima da cidade, parecendo dois chifres de uma cabra.

É muito comum este lugar ter muitas visitas, por estar próximo de Tânger e Ceuta. Valoriza-se muito o artesanato, que não há noutras regiões em Marrocos, como por exemplo as roupas de lã e cobertores. O queijo da cabra é muito popular neste local.

Esta cidade é a dominadora na produção de cannabis. Haxixe é o produto mais vendido pela cidade. É a fonte fértil de kief que lhes dá este trabalho.

Há variadas mesquitas na cidade. Há uma dedicada ao Santo Padroeiro da região Jebalah (norte de Marrocos), MoulayAbdeslam Ben Mchich Alami. Outra está situada nas ruínas que foi construída pelos espanhóis, com escadas na torre.

História

Era uma pequena fortaleza criada em 1471 pelos mouros para expulsar os ataques dos portugueses do Norte de Marrocos. Após a reconquista espanhola, esta pequena vila tornou-se um dos maiores locais de refúgio para mouros e judeus. Durante a sua permanência, conseguiram deixar uma marca na cidade, que a transformou muito especial hoje em dia. Foram os judeus que a pintavam de azul que viviam aqui em 1930.

Situado numa zona de difícil acesso que dominou a rota mercantil entre Tetuan e Fez, servindo de base para proibir a entrada e influências dos portugueses. Em 1920, os espanhóis usufruíram Chefchaouen para formar parte do Marrocos espanhol.Espanha voltou à cidade depois da independência de Marrocos em 1956.

Há uma tradição herdada dos antigos moradores judeus, as casas e edifícios pintados de azul. Em homenagem ao mandamento sagrado, a cor azul ainda estava entrelaçada ao tecido de seus talits. É no céu azul, que lhes fazem lembrar quando olham para a cor.

A cidade moderna ainda guarda alguns atributos. Todos na cidade ainda seguem essa tradição e, frequentemente, mudam para a pintura azul de suas casas.

É esta beleza e a atmosfera descontraída da cidade que faz atrair os visitantes.A praça principal da Medina está repleta de cafés até a borda, relaxantes lugares, onde se poderá ver o mundo passar, ou para uma recuperação após caminhadas de um dia duro.

Clima

Em Chefchaouen, o clima é quente e temperado. Mais chuvas no inverno do que no verão. 16.5 °C é a temperatura média.

O mês mais seco é Julho. Em Janeiro cai a maioria da precipitação.

Agosto é o mês mais quente do ano com uma temperatura média de 24.9 °C. A temperatura mais baixa de todo o ano é de 9.3 °C (temperatura média) no mês de Janeiro.

As temperaturas médias variam 15.6 °C durante o ano.

Indústria

O turismo em Marrocos é muito valorizado e tem estado em crescimento, especialmente para os turistas espanhóis. É impulsionado pela sua fama como centro de região e as plantações de cannabis no Norte de Marrocos.

Localização

Roteiros que passam por Chefchaouen:

Informações Uteis

viagensmarrocos@trilhosalama.com
TEF. COMERCIAL - 00351 932555593 

TEF. MARROCOS – 00212 662810005
tripadvisor